Valorizar o santuário do Cabo Espichel, preservar a sua identidade e torná-lo mais atrativo é o objetivo de uma candidatura apresentada pela Câmara Municipal de Sesimbra ao Programa de Desenvolvimento Rural, através da Associação de Desenvolvimento da Península de Setúbal, que gere o programa. 

O projeto contempla a requalificação da Casa da Água e do antigo horto comunitário dos peregrinos, locais intimamente ligados à memória do sítio e às comunidades historicamente a eles associadas, nomeadamente as populações rurais da Freguesia do Castelo e os círios que vinham em romaria à Senhora do Cabo.

A par da recuperação do edifício e consolidação da sua traça arquitetónica, pretende-se levar a efeito um conjunto de arranjos no recinto da antiga horta, fontes e bebedouros para os animais, bem como a construção de uma cerca para segurança dos visitantes na área mais próxima da falésia.

Para além destas intervenções está prevista a criação de um espaço destinado aos produtores locais, na perspetiva de contribuir para promover os produtos de Sesimbra, em especial, os hortofrutícolas, mel, doçaria, queijos da Azoia e pão.

in www.cm-sesimbra.pt